Páginas

Frases de H. P. Lovecraft

sábado, 29 de janeiro de 2011.
As frases de Edgar Allan Poe foram muito lidas por vocês e em um dos comentários das frases uma pessoa que infelizmente não se identificou me deu a dica do Howard Phillips Lovecraft. Espero que vocês gostem tanto quanto gostaram do Edgar Allan Poe.


Então algumas frases de H. P. Lovecraft...

"A emoção mais antiga e mais forte da humanidade é o medo, e o mais antigo e mais forte de todos os medos é o medo do desconhecido."

“Aquilo que não está morto pode jazer eternamente e com eras estranhas, até a morte pode morrer.”

"Muitos foram os que desceram pelo abismo do inconsciente, sem conseguir voltar. Os manicômios são sua moradias, pois deles são o reino da insensatez. Outros - muitos poucos, apenas os escolhidos - seriam capazes de contar o que há por trás da loucura..."

Infelizmente passei a tarde inteira procurando mais frases, mas só ache essas... depois posto mais algumas pra vocês.

9 comentários:

Marcus L.W. disse...

Muito interessante.

Anônimo disse...

fui vocalista e letrista da banda Academia do Medo e fã dos malditos."Tento pintar tua pele com a sombra dos dedos,riscar dentro da carne entre o fio das unhas,licor corre das pontes encantando as tintas,some no bar da sede na cidade cinza.M.V.Cotias. Adorei

Lily disse...

Olá, Adorei o texto, vou procurar sobre essa banda :)Beijos e obrigada!!

Anônimo disse...

eu sou novo aqui e achei as frases dele um maximo

fabian disse...

eu sou nova aqui tambem

Dellone disse...

"O mundo é deveras cômico, mas a piada está na raça humana". H.P.Lovecraft

Ele é genial, seus contos são incríveis!
Parabéns pelo post!

Anônimo disse...

O Jardim

Existe um jardim antigo com o qual às vezes sonho,
sobre o qual o sol de maio despeja um brilho tristonho;
onde as flores mais vistosas perderam a cor, secaram;
e as paredes e as colunas são idéias que passaram.

Crescem heras de entre as fendas, e o matagal desgrenhado
sufoca a pérgula, e o tanque foi pelo musgo tomado.
Pelas áleas silenciosas vê-se a erva esparsa brotar,
e o odor mofado de coisas mortas se derrama no ar.

Não há nenhuma criatura viva no espaço ao redor,
e entre a quietude das cercas não se ouve qualquer rumor.
E, enquanto ando, observo, escuto, uma ânsia às vezes me invade
de saber quando é que vi tal jardim numa outra idade.

A visão de dias idos em mim ressurge e demora,
quando olho as cenas cinzentas que sinto ter visto outrora.
E, de tristeza, estremeço ao ver que essas flores são
minhas esperanças murchas – e o jardim, meu coração.
H. P. Lovecraft

Ágata Woodcroft disse...

Olá, novata se apresentando kk

Amo o Lovecraft, os contos deles chegam a ser um absurdo de tão bons.
E tem uns poemas macabros e outros apenas tristes mesmo, seria uma boa publicá-los também.

Ágata Woodcroft disse...

Olá, novata se apresentando kk

Amo o Lovecraft, os contos deles chegam a ser um absurdo de tão bons.
E tem uns poemas macabros e outros apenas tristes mesmo, seria uma boa publicá-los também.

Postar um comentário

Comente... dê sua opinião e faça uma blogueira feliz :)
Beijos e obrigada!!!!
*-*